A raça é considerada por Alexandre Zadra, zootecnista e especialista em cruzamento racial, o composto zebuíno brasileiro (equivalente ao Brahman americano) perfeito.

Fêmeas precoces e com ótima habilidade materna e machos pesados, férteis e com ótima musculosidade.