Confira a resposta de Alexandre Zadra ao telespectador Élder Silva, com propriedade em Nova Mamoré (RO), ao programa Giro do Boi, no último dia 30 de agosto:

Pergunta: 

Qual o resultado do cruzamento de touros Tabapuã com vacas F1?

Resposta:

Utilizar o Tabapuã sobre as F1 é uma ótima opção quando você pensa em fazer uma reposição de matriz azebuadarústica e com uma boa precocidade sexual. Além de fazer um macho muito pesado à desmama.

O que nós recomendamos é que você cuide para utilizar touros Tabapuã comprovadamente de parto fácil, que gerem bezerros leves ao nascimento, porque os problemas de parto que existem ocorrem em sua grande maioria quando cruzamos animais zebuínos nas novilhinhas F1 Angus. Sabemos que o parto demora dez dias a mais do que a média, portanto o bezerro vai nascer com cinco a oito quilos mais pesado, podendo gerar problemas de parto.

Portanto, cuide para que o Tabapuã que você vai inseminar seja de parto fácil, que você conheça esse touro, sabendo que ele não gera bezerros pesados, que ele gera bezerros leves, se você for usar as suas F1 novilhinhas, as suas novilhas F1 novinhas. Esse é o único problema”, reforçou. “Superado esse problema nessa fase, você gerará bezerros muito pesados e bois muito pesados ¾ Zebu, além de fêmeas espetaculares ¾ Zebu.

Assusta ao vídeo com a resposta completa clicando na imagem abaixo: